Checklist hospitalar: qual é a importância para a gestão

Checklist hospitalar: qual é a importância da ferramenta para a gestão

O checklist hospitalar é um instrumento que auxilia na organização das rotinas administrativas ou de saúde, com o objetivo de evitar falhas nos processos internos.

Dentro de um hospital, a segurança do paciente, a qualidade do atendimento e a efetividade do tratamento dependem de uma série de fatores. Dessa forma,  o checklist hospitalar atua como um meio para evitar intercorrências que podem prejudicar a experiência do paciente. 

Em um hospital existem tipos diferentes de checklist, com variados objetivos e áreas de atuação. 

Aprenda sobre essa ferramenta de gestão no texto a seguir! 

Qual a importância de utilizar checklist na gestão hospitalar?

As áreas dentro de um hospital, sejam administrativas ou que lidam diretamente com os pacientes, possuem processos que devem ser estipulados previamente para que tudo ocorra bem. 

Neste sentido, o checklist hospitalar entra como uma ferramenta para auxiliar a gestão na garantia de que nenhuma etapa foi pulada ou esquecida devido à falha humana. 

No caso da administração direta, por exemplo, o checklist hospitalar pode conter dados sobre faturamento ou documentação necessária para iniciar novos procedimentos, simplificando burocracias por trás do atendimento. 

Por outro lado, se avaliarmos os procedimentos realizados na emergência, um checklist de informações pode garantir que o paciente seja atendido na ordem de urgência que o caso demanda. 

Em resumo, utilizar o checklist hospitalar contribui para manter a ordem na gestão de um hospital ou clínica. 

5 tipos de checklist hospitalar

Dentro de um hospital, existem áreas administrativas e de atendimento direto ao público, como mencionamos. Para cada área de atendimento, podemos aplicar um tipo diferente de checklist hospitalar. 

Existem 5 modelos principais, que explicaremos os detalhes a seguir. 

1) Checklist de limpeza

Contém os passos para realização de assepsia dos ambientes hospitalares, com divisão por área de gravidade e ordem de fatores para realizar a correta limpeza do local. 

Por exemplo, no caso de um checklist de limpeza de quartos, deve conter itens como:

  • Maçanetas;
  • Aparadores;
  • Trocar de jogo de lençol;
  • Desinfecção dos travesseiros;
  • Retirada dos lixos;
  • Limpeza do vaso sanitário, etc

Sendo assim, a organização dos itens é feita por ordem de limpeza, com espaço para indicação de “não”, “sim” e “não se aplica”. 

2) Checklist para gestão de leitos

A gestão de leitos hospitalares através de um sistema de checklist possibilita que as áreas responsáveis pela alocação dos pacientes possuam a visão dos leitos de internação, emergência, enfermaria, observação e salas de cirurgia. 

Um checklist de gestão de leitos hospitalares contém as quantidades de leitos por área e o nível de ocupação, com previsão de alta dos pacientes. 

Ainda compreende a reserva e solicitação de leitos, transferência de pacientes, bloqueios de espaço e liberações, e espaço para acionar a equipe de limpeza e hotelaria para higienizar espaços recém liberados. 

3) Checklist para auditoria hospitalar

Existem três principais tipos de auditoria hospitalar: preventiva, operacional e analítica. Cada uma delas possui etapas diferentes de acordo com os seus objetivos (prevenir possíveis problemas, checagem do procedimento após a alta hospitalar e análise de dados disponíveis em relatórios).

Sendo assim, para auditoria hospitalar, o checklist tem como principal função organizar o uso de recursos a partir da conduta médica com os pacientes. 

Portanto, abrange um resumo do atendimento, exames, tratamento, medicações aplicadas e próximos passos indicados. 

Relatório de auditoria: como garantir precisão e objetividade

4) Checklist para triagem de pacientes

É utilizado no primeiro atendimento, no momento em que o paciente chega no hospital. 

Indica a ordem de ações que precisam ser executadas para garantir a correta classificação de gravidade do atendimento através do sistema de cores, os exames iniciais (como, por exemplo, aferição de pressão arterial, temperatura e oxigenação do sangue), e o motivo do atendimento. 

Este checklist é um dos mais importantes em um sistema hospitalar, pois é o que vai assegurar que o paciente receba o tratamento adequado à gravidade dos sintomas apresentados. 

Confira como o Hospital de Clínicas de Porto Alegre utilizou a tecnologia para desenvolver um sistema de triagem de pacientes eficiente com a ajuda da uMov.me.

5) Checklist de equipamentos para funcionários

Este, determina o passo a passo de quais equipamentos os funcionários devem utilizar.

Por exemplo: nos leitos de internação, existem equipamentos de aferição de pressão e batimentos cardíacos que são divididos por todos. Através do checklist hospitalar, os funcionários da saúde sabem onde encontrar o equipamento, quantos estão disponíveis, como realizar a higienização hospitalar e em qual local devolver após a utilização. 

Como elaborar um checklist hospitalar

Existem inúmeros modelos de checklist hospitalar, com variação por área, atendimento e até mesmo profissional envolvido. 

Em geral, os checklists apresentam uma coluna na esquerda com as etapas que precisam ser cumpridas, e em ordem de atuação. 

No lado direito, existem outras três colunas, com a indicação para marcar quando a etapa for completa, não for completa ou, se for o caso, quando a etapa não se aplica a determinada atividade. 

Além dos modelos, o checklist hospitalar pode ser construído utilizando diferentes meios, com vantagens e desvantagens que veremos abaixo. 

Checklist em papel

Quem precisa estar em movimento dentro de um hospital, como as equipes de higienização e hotelaria, costumam usar o checklist em papel/prancheta. Porém acaba elevando o custo com materiais como papel. 

Consiste em uma lista de passos impressa em papel, com espaço para preencher a caneta, manualmente. Mas um dos maiores riscos deste tipo é ficar refém da caligrafia dos funcionários.

Checklist em planilhas 

Pode ser feito on-line, na nuvem, ou através de programas de edição de planilhas. Contém a lista dos passos e os espaços para assinalar o status da atividade. 

Normalmente, esse sistema de checklist em planilha é utilizado nas recepções e no primeiro contato do paciente dentro do hospital, além da gestão de leitos. Entretanto, não é positivo para as funções que necessitam de movimento, afinal são poucos moduláveis.

Aplicativos de Checklist

A terceira opção é prática e utiliza a tecnologia para substituir listas físicas e planilhas, economizando recursos e evitando desperdícios. 

Um aplicativo de checklist pode ser utilizado nas diferentes áreas dentro de um hospital, principalmente pela praticidade em transportar em dispositivos portáteis, como smartphones e tablets.

Entenda mais sobre este sistema de checklist online no tópico abaixo!

Invista em um Aplicativo de Checklist para otimizar a gestão do seu hospital 

Através do uso de aplicativos de checklist hospitalar, a gestão ganha tempo e agilidade no cotidiano. Checklist de limpeza e manutenção

Os aplicativos no-code desenvolvidos para gestão de hospitais aqui na uMov.me são pensados de acordo com as necessidades do negócio, facilitando a edição de dados e o controle por parte dos gestores. 

Além disso, a visualização dos dados permite que os processos sejam otimizados nas áreas, identificando gaps e possibilidades de melhoria nos processos. 

Conte com recursos como:

  • Central de mensagens para melhorar a comunicação entre gestor e equipe;
  • Checklist inteligente que cria condicionais de preenchimento, para garantir que as tarefas sejam realizadas de acordo com o padrão;
  • Distribuição automática de atividades por funcionário, de acordo com a disponibilidade;
  • Relatórios personalizados para comprovar as atividades realizadas com textos,  imagens, áudios e vídeos.

Considerações sobre o checklist hospitalar

Ao longo deste texto foi possível compreender a importância de utilizar a ferramenta de checklist na gestão hospitalar. Afinal, estabelecer uma lista de tarefas é primordial para a organização no dia a dia.

Além disso, vimos que existem cinco principais tipos de checklists hospitalares, sendo eles: Checklist de limpeza, Checklist para gestão de leitos, Checklist para auditoria hospitalar, Checklist para triagem de pacientes e Checklist de equipamentos para funcionários.

Por fim, mostramos três maneiras de utilizar a lista de verificação em hospitais, apresentando o Aplicativo de Checklist da uMov.me, que já é utilizado por hospitais renomados como o Hospital de Clínicas e a Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. 

Quer conhecer mais essa solução? Agende uma demonstração gratuita do aplicativo agora mesmo!

Conheça o Aplicativo de checklist

Checklist

Checklist automotivo: ele pode melhorar a gestão da sua frota

Checklist significa “lista de controle”. O checklist automotivo é, portanto...

Aplicativos customizados

Aplicativo de checklist: como ajuda na gestão de equipes

Já pensou como a tecnologia pode ajudar do seu time? Entenda quais são os bene...

FALE COM UM ESPECIALISTA

Conheça os potenciais da plataforma para a sua empresa.

QUASE LÁ!

Preencha os dados abaixo para garantir sua demonstração gratuita.

Pular para o conteúdo