Gestão à vista: quais as vantagens e como implementar na sua empresa?

O que é gestão à vista? Entenda o conceito deste modelo de gestão voltado à visualização de dados e como ele pode ajudar o seu negócio a otimizar processos e atingir as metas. 

Hoje, vivemos em uma cultura data-driven, ou seja, que utiliza dados como informações sobre preferências e comportamentos do consumidor, para tomar decisões estratégicas dentro de uma empresa.

Contudo, coletar dados e saber utilizá-los de forma estratégica no seu negócio são coisas diferentes. A gestão à vista é uma metodologia de gerenciamento empresarial que pode servir de ponte para esses dois processos!

Envolvendo todos os integrantes de uma equipe, a gestão à vista é uma forma de apresentar informações pensando em facilitar a compreensão. 

Assim, todos os envolvidos em um projeto têm o conhecimento e entendimento necessários para alcançar metas e resolver problemas.

Pensando nisso, neste artigo vamos explicar como a gestão à vista pode apoiar a sua equipe e levá-la ao seu máximo potencial. Entenda o que é gestão à vista, por que e como implementá-la com o apoio da tecnologia!

O que é gestão à vista?

Neste modelo de gestão 4.0, o objetivo principal é fazer com que os colaboradores possam visualizar os seus resultados e desempenho em tempo real.

Ou seja, as informações devem estar visíveis e fáceis de entender para a equipe — seja de um departamento em específico, ou de toda a empresa. 

A gestão à vista é uma estratégia fundamentada em estimular os colaboradores e aumentar a sua independência.

Por que implementar a gestão à vista? Entenda as vantagens para a sua empresa

O principal benefício da gestão à vista mora na própria definição: fica mais fácil para os gestores e colaboradores entenderem o status de cada demanda e o andamento de cada projeto. 

E, claro, todo bom gestor sabe a importância da compreensão de todos os membros de uma equipe sobre um projeto para que ele dê certo.

Com a gestão à vista, é possível:

  • Analisar resultados em tempo real;
  • Verificar se as demandas são cumpridas dentro do prazo estipulado e;
  • Identificar gargalos que possam estar atrapalhando os processos. 

Assim, a equipe consegue tomar decisões para corrigir o curso de uma operação que não está funcionando conforme esperado ou otimizar as que  já estavam funcionando bem.

Além disso, a democratização de informações ajuda a engajar o time

Isso porque essa nova cultura organizacional permite uma comunicação mais descentralizada e fluida. Ou seja, sem aqueles ruídos que costumam atrapalhar o dia a dia de uma empresa.

Resumindo, entre as principais vantagens de implementar a gestão à vista na empresa estão:

  • Encontrar oportunidades;
  • Corrigir e evitar falhas;
  • Implantar uma cultura organizacional focada na boa comunicação entre os membros da equipe;
  • Motivar o time e liderar a sua empresa rumo aos melhores resultados.

Os desafios de implementar a gestão à vista

Como toda mudança, implementar a gestão à vista tem seus desafios. 

Primeiramente, é preciso colocar à disposição dos colaboradores, do setor em questão ou de toda a empresa, informações como:

  • Dados de performance;
  • Dados de gestão;
  • Planejamento estratégico;
  • Negociações e;
  • Outras informações relevantes no seu segmento de atuação.

Para que isso seja possível, deve-se estudar o impacto dessas informações em cada departamento, além de garantir a segurança dos dados da sua empresa. 

Por este motivo, é preciso contar com ferramentas de comunicação interna adequadas, confiáveis e de acordo com as regras de LGPD.

Mas o que significa estudar o impacto das informações?

Trata-se de analisar quais informações serão relevantes para o dia a dia do departamento. Afinal, o excesso de dados pode confundir e atrapalhar a sua equipe

Assim, eles devem ser escolhidos de acordo com os objetivos dos projetos e da empresa.

4 passos para criar um modelo de gestão à vista

Para introduzir o modelo gestão à vista na sua empresa alguns passos são fundamentais. Por isso, vamos apresentar a você cada um deles.

1) Clareza e comunicação

Além do gestor, a equipe também precisa entender o que está acontecendo, por que o modelo de gestão à vista foi implementado e qual a importância das informações.

Sendo assim, as metas do planejamento estratégico precisam estar claras para todos para que a equipe desenvolva a consciência do impacto de suas ações nos resultados. 

Isso é essencial para nutrir o empenho e motivação dos integrantes, o que nos leva à próxima dica.

2) De olho nas metas

Depois que todos entenderem os objetivos de uma estratégia, fica mais fácil acompanhar o andamento e fazer ajustes necessários para alcançar as metas estabelecidas. 

Pois, com isso, o seu time consegue pensar em maneiras efetivas e práticas de se chegar aos melhores resultados.

3) Colaboração

O trabalho em equipe é essencial para a gestão à vista funcionar. Por isso o terceiro passo é a colaboração.

Quando os integrantes conversam e se ajudam no processo, o entendimento de todos é maior e, consequentemente, aumentam as chances de obter bons resultados.

É importante ressaltar que a colaboração entre membros do time ocorre mais facilmente quando todos estão focados no mesmo objetivo, recebem informações amplas e conseguem se ajudar mutuamente.

4) Foco em dados importantes

Como já mencionamos, dados são fundamentais para qualquer estratégia. Contudo, é preciso saber escolher quais dados contribuirão, de fato, para o desenvolvimento do que foi proposto.

O excesso de informações pode ser um problema na gestão à vista — tanto quanto a escassez. 

Hoje, temos uma imensidão de dados ao nosso dispor e, por isso, é muito fácil se perder no meio de tudo isso. 

Então, é preciso manter o foco no que é relevante para alcançar as metas definidas. Isso vai garantir mais eficiência, agilidade e qualidade no trabalho da equipe.

Gestão à vista na prática: conheça 3 exemplos

Para que você possa compreender melhor como a gestão à vista pode funcionar na prática, vamos apresentar três métodos populares e de fácil aplicação. 

1) Balanced Scorecard

Também conhecido como “Indicadores Balanceados de Desempenho”, o Balanced Scorecard (BSC) envolve a definição de um mapa estratégico, incluindo objetivos, indicadores, metas e planos de ação.

O método apresenta indicadores de desempenho de forma simples de entender e para diversas áreas da empresa.

O BSC é baseado em quatro pilares de perspectiva:

  1. financeira;
  2. de clientes;
  3. de processos internos;
  4. de aprendizado.

Cada uma dessas perspectivas têm seus próprios objetivos estratégicos. Assim, é preciso que o líder entenda com clareza os objetivos dos projetos para definir iniciativas estratégicas.

2) Método Kanban

O Kanban é uma técnica mundialmente conhecida. De origem japonesa, ela consiste em uma divisão de tarefas simples em três colunas:

  1. Fazer (To do);
  2. Fazendo (Doing);
  3. Feito (Done).

Dentro desta estrutura, o gestor usa cartões coloridos ou outros recursos visuais para organizar as tarefas. Ou seja, é como um quadro de fluxo de trabalho.

Hoje em dia já existem diversas ferramentas online de fluxo de trabalho que funcionam de forma semelhante ao tradicional Kanban, como Asana, Runrun.it e Trello, por exemplo.

Esse método mantém a equipe informada sobre o que todos estão fazendo e em que etapa se encontra cada processo. 

Seja físico ou virtual, o quadro de atividades, melhora a comunicação interna, facilita o acompanhamento de métricas, integra equipes e ajuda a guiar reuniões.

3) Dashboards

A palavra “Dashboard” tem sido cada vez mais citada (e utilizada) entre as empresas que buscam se digitalizar.

Painel de Gestão à vista

Basicamente, o termo se refere a um painel de gestão ou controle, onde reúne visualmente as informações mais importantes da empresa ou do departamento, como indicadores, gráficos, tabelas e o que mais for necessário.

Com todas as informações em um mesmo lugar, de fácil visualização e entendimento, o acompanhamento dos dados ocorre de forma mais fluida, alcançando os melhores resultados.

Hoje, é comum que sistemas de diversas funções diferentes — como trade marketing, logística, prestação de serviços, entre outros — contem com seus próprios dashboards com todas as informações mais importantes para o gestor.

A logística, especialmente, pode se beneficiar e muito do uso de dados para otimização de processos, ganhando eficiência e reduzindo problemas para oferecer um serviço ou produto melhor. 

Uma torre de controle logística é fundamental para manter o dashboard atualizado, por exemplo, centralizando funcionalidades como o monitoramento de frota em tempo real e a comunicação entre equipes internas e externas.

Confira 7 benefícios da torre de controle logística para a sua empresa!

Como usar a tecnologia na gestão à vista dentro da organização?

Possivelmente, você já tenha feito um mural com todas as suas tarefas. Afinal, a ideia de visualização de dados para organização, não é nova.tecnologia para calcular o valor do frete

Porém, hoje existem diversas opções mais modernas que colaboram para que todos na empresa ou departamento possam ter acesso fácil a todas as informações. 

Afinal, nem todo mundo conseguiria ver o mural do seu escritório certo?

Além da melhor visualização de dados, que potencializa o modelo de gestão à vista, sistemas modernos também vêm com outros benefícios que não são encontrados nas versões tradicionais de gestão.

Com os aplicativos uMov.me, por exemplo, é possível automatizar os processos da sua empresa, evitando que a equipe gaste tempo e recursos para realizar manualmente o que um computador pode facilmente fazer sozinho. 

Assim,  seus colaboradores podem utilizar o seu tempo para analisar dados e focar estratégias para melhorar o desempenho da empresa.

Como ganhar tempo e produtividade nos processos logísticos?

Considerações sobre gestão à vista

A gestão à vista não é novidade, há muito tempo este método tem como objetivo ajudar empresas de diferentes segmentos a terem um dia a dia mais fluido e focado em atingir metas.

Porém, o surgimento de novas tecnologias facilitou a implementação dessa estratégia e, consequentemente, os resultados que surgem dela! 

Aliada à tecnologias como a plataforma uMov.me, engajar a equipe e torná-la mais produtiva deixou de ser algo tão desafiador.

Na logística, especialmente, os dados são fundamentais para otimizar funções da cadeia de suprimentos, automatizando ações e impulsionando uma série de melhorias operacionais. 

Se você busca maximizar os resultados da sua empresa com inteligência, confira o guia descomplicado sobre a Torre de Controle Logística:

Torre de Controle Logística

Destaques de Funcionalidades

7 benefícios da torre de controle logística para a sua empresa

Um recurso que permite o monitoramento de frota em tempo real, ampliando a produ...

Negócios e Tecnologia

Automação de processos: torne sua operação em campo ainda mais eficiente

Programar o ar condicionado para ligar em um momento específico ou o despertado...

FALE COM UM ESPECIALISTA

Conheça os potenciais da plataforma para a sua empresa.

QUASE LÁ!

Preencha os dados abaixo para garantir sua demonstração gratuita.