Rede Sapiens chega para valorizar a produção científica do RS

rede sapiens

Com a proposta de valorizar a produção científica do Rio Grande do Sul, conectando o conhecimento produzido por mestres e doutores com as empresas e a sociedade, a Rede Sapiens foi lançada na última segunda-feira (25), na uMov.me Arena, articuladora da iniciativa. O encontro contou com a presença de autoridades da comunidade científica e empresarial, entidades setoriais, representantes do Governo Estadual e da Prefeitura de Porto Alegre. Veja aqui as fotos do evento.

Promovendo a tríade vinculação universidades-sociedade-mercado, a Rede Sapiens é uma iniciativa do Pacto Alegre, liderada pela uMov.me Arena. Possui curadoria da FAPERGS e da REGINP e apoio da Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia do RS, universidades, entidades e empresas. Confira aqui!.

Lançamento Rede Sapiens

Carlos Aranha, Alsones Balestrin, Luis Lamb, Denise Pagnussatt, Paulo Renato Ardenghi, Gervásio Annes Degrazia, Alexandre Trevisan e Jorge Polydoro. Foto: Henrique Alonso.

Fazendo a nossa parte, fazendo em Rede!

Alexandre Trevisan uMov.me

Alexandre Trevisan, CEO da uMov.me. Foto: Henrique Alonso.

Existe muita riqueza nas nossas universidades, queremos evidenciar isso — explica Alexandre Trevisan, CEO da uMov.me e criador da uMov.me Arena, espaço de inovação social em rede cujo propósito é articular a promoção do conhecimento.

Para Luís Lamb, secretário estadual de inovação, ciência e tecnologia do RS, o projeto está alinhado à nova economia, que é baseada em conhecimento:

Luis Lamb SICT

Luis Lamb, secretário de Inovação, Ciência e Tecnologia do RS. Foto: Henrique Alonso.

O RS tem apenas 5% da população brasileira, possui 11,5% da produção científica do país e a segunda maior densidade de doutores do Brasil. Precisamos transformar essas contribuições acadêmicas em negócios e gerar riqueza e resultados para a sociedade.

As nações mais desenvolvidas do mundo são as mais bem-educadas, as que utilizam conhecimento e inovação aplicada aos negócios. Precisamos nos adequar a esse modelo para evoluir nossa matriz econômica observa Lamb.

Participando da Rede Sapiens

A proposta é simples: mestres e doutores gravam um vídeo de até três minutos, com linguagem acessível, sobre os resultados de suas teses e dissertações. Na sequência, o conteúdo deve ser postado no YouTube e, após, o link do vídeo é submetido junto ao formulário na Rede Sapiens.

Os projetos poderão ser inscritos até o dia 30 de abril de 2020, conforme regulamento. Veja aqui como fazer seu vídeo em três minutos.

Baseado no CNPq, todas as oito grandes áreas do conhecimento que participam da Rede Sapiens: agrárias; biológicas; engenharias; exatas e da terra; humanas; linguística;  letras e artes; saúde e sociais aplicadas.

Os vídeos ficarão disponíveis para todos os atores da quádrupla hélice da inovação (sociedade, governo, universidades e empresas). Assim, é possível viabilizar a aplicação prática desses estudos, aproximando universidade e mercado e evidenciando a produção científica dos acadêmicos do RS.

Lançamento da Rede Sapiens.

Lançamento da Rede Sapiens conta com a presença de autoridades e representantes de empresas, universidades e imprensa. Foto: Henrique Alonso.

Rede Sapiens premia estudos científicos

Com uma perspectiva colaborativa, a Rede Sapiens conta com apoio de dezenas de empresas e entidades que reuniram um aporte de R$ 35 mil para premiação dos estudantes em duas categorias – Prêmio Conexão com o Mercado e Prêmio Engajamento Popular. O valor será dividido entre os 10 mestres ou doutores e seus respectivos professores orientadores. O resultado será conhecido em junho de 2020.

Prêmio Conexão com o Mercado

Com o objetivo de aproximar universidade e mercado, a premiação será feita para os cinco projetos científicos que despertarem maior interesse em organizações até 30 de abril de 2020.

Os projetos serão premiados, em dinheiro, de modo que a premiação poderá ser dividida entre o autor da pesquisa e seu orientador. A quantidade de participantes a serem premiados nessa categoria, bem como o valor que cada um receberá, será divulgado nas plataformas digitais e no site da Rede Sapiens até o dia 30 de maio de 2020.

Prêmio Engajamento Popular

Com o objetivo de evidenciar a pesquisa científica do RS, a premiação será feita para os cinco vídeos mais visualizados na plataforma até 30 de abril de 2020. Os projetos serão premiados, de modo que a premiação poderá ser dividida entre o autor da pesquisa e seu orientador.

A quantidade de participantes a serem premiados nesta categoria, bem como o valor que cada um receberá, será divulgado nas plataformas digitais e no site da Rede Sapiens até o dia 30 de maio de 2020.

Rede Sapiens na voz da imprensa

Após o sucesso do lançamento que estreia um novo momento para a produção científica do RS, a Rede Sapiens é pauta em diversos veículos de comunicação, como o Baguete, GaúchaZH, Jornal do Comércio, Revista Amanhã e TVE.

Entre as universidades, a UFRGS, PUCRS e UFCSPA pautaram a iniciativa em seus portais para que toda a comunidade acadêmica tenha conhecimento desse movimento a favor da ciência do RS. A pesquisa por “Rede Sapiens” também domina a primeira página do Google.

É hora de começar

Mestres e doutores de todo o RS já podem gravar e enviar seus vídeos para a Rede Sapiens. A linguagem deve ser clara e acessível à população em geral, especialmente, visando a aplicação prática na vida das pessoas e das empresas.

Os vídeos enviados, após passarem pela curadoria técnica, ficarão disponíveis na vitrine de vídeos da plataforma. Lembrando que as inscrições podem ser feitas até o dia 30 de abril de 2020.

Para quaisquer dúvidas em relação ao processo de inscrição, a Rede Sapiens se mantém à disposição através do e-mail redesapiens@umov.me. Nas mídias sociais a Sapiens está disponível no YouTube e também no Facebook, Instagram e Linkedin da uMov.me Arena.

Apoiando a Rede Sapiens

Para as empresas que desejam apoiar a iniciativa, há possibilidade de participar com cota engajamento, valor que é destinado às premiações e à promoção e divulgação da Rede Sapiens. A partir do movimento em rede, a Sapiens busca novos colaboradores que acreditam que o conhecimento é a grande riqueza de uma nação. As informações podem ser obtidas através do e-mail redesapiens@umov.me.

Veja quem já está apoiando

Apoiadores Rede Sapiens

Confira o vídeo-convite para a Rede Sapiens

Acesse agora a Rede Sapiens e faça parte deste movimento.