Por que empresas de tecnologia devem investir em Inbound Marketing

inbound-marketing

Uma pesquisa realizada em 2014 pelo Content Marketing Institute revelou que 58% das empresas B2B com foco em tecnologia pretendiam reforçar seus investimentos em inbound marketing nos próximos anos.

Se essa era a realidade 4 anos atrás, atualmente é bem provável que esse cenário seja ainda mais acentuado e que as empresas estejam investindo bastante em conteúdo para alavancar as vendas, pois esse mercado apresentou grande crescimento nos últimos tempos.

As empresas de tecnologia têm algumas particularidades que tornam o investimento em inbound marketing com alto potencial de trazer lucratividade.

Isso porque o público-alvo das empresas, na maior parte dos casos, são usuários muito ativos na internet, o que faz com que resultados positivos sejam mais facilmente alcançados.

Outro ponto favorável é o fato de os profissionais de TI estarem acostumados a lidar com métricas e indicadores numéricos que norteiam as suas atividades.

Isso facilita no entendimento das ações de marketing, que também precisam ser monitoradas e com decisões baseadas em dados para atingirem os seus objetivos.

Mas afinal, por que empresas de tecnologia devem investir em inbound marketing? Quais são as razões que justificam esse investimento? Para que você encontre as respostas para esses questionamentos, listamos uma série de tópicos sobre o assunto.

1. Para conquistar mercado

Ao arquitetar estratégias de inbound marketing, a sua empresa estará focada nas ações certas para se aproximar do mercado de forma estratégica. Ao atrair tráfego qualificado, converter os usuários em leads e se relacionar com eles de forma consistente, naturalmente a empresa consegue aumentar suas vendas.

O especialista em vendas David Skok afirma que existem produtos que são muito mais fáceis de serem vendidos por meio da internet, pois as pessoas se sentem confortáveis para adquiri-los no ambiente virtual.

É o caso dos jogos online, dos softwares de gestão para empresas, dos serviços de streaming, entre outros produtos que são comercializados e produzidos pelas empresas de tecnologia.

Assim, as empresas de tecnologia têm ainda mais facilidade em obter êxito ao desenvolver ações de inbound marketing e conquistar mercado, pois tratam-se de produtos que têm boa aceitação para serem vendidos por meio da internet.

2. Para construir uma máquina de vendas previsível e escalável

O inbound marketing pode ajudar as empresas de tecnologia a se tornarem organizações de alto crescimento, verdadeiras máquinas de venda previsíveis e escaláveis. Para isso, é preciso que o trabalho seja realizado com cuidado e de forma estratégica, sempre tendo as ações mensuradas e metrificadas para auxiliar nas tomadas de decisão.

Uma empresa de tecnologia que investe em inbound marketing precisa ter em sua equipe um profissional especialista ou então contar com o suporte de uma agência de marketing digital que conheça os processos do funil de vendas de modo que as ações possam ser otimizadas.

Ao ter conhecimento sobre o seu funil de vendas e traçar as táticas corretas em todas as suas etapas, você transforma o marketing da empresa em uma máquina de vendas. Ou seja, o inbound marketing não é mais visto como um centro de custo e sim como um centro de receita.

3. Para reduzir o CAC

O CAC é a métrica que analisa o custo de aquisição de clientes. Isto é, os valores investidos em marketing, salários dos vendedores e profissionais de marketing da empresa, dentre outros, devem ser contabilizados para que se saiba se uma venda gerou lucro ou não.

Dentro desse contexto, as empresas de tecnologia podem apostar no inbound marketing para reduzir o CAC e assim obter uma maior lucratividade com um menor investimento. Isso se justifica pelo fato de as estratégias de inbound serem significativamente mais baratas e mais segmentáveis do que as de outbound, o que gera mais ganhos em cada venda gerada.

Além disso, o inbound marketing é totalmente mensurável e em cada ação realizada é possível saber quantas pessoas foram impactadas, quantos leads foram gerados ou quantos dos prospects realmente foram convertidos em clientes, o que facilita a otimização e distribuição correta dos investimentos.

4. Para vender mais (upsell e cross-sell)

Outro motivo que as empresas de tecnologia têm para investir em inbound marketing é a possibilidade de vender mais, tanto na modalidade upsell (versões mais avançadas dos produtos), quanto na modalidade cross-sell (venda de produtos ou serviços complementares).

A ideia é que as ações sejam realizadas tanto para atrair clientes novos — que não conheciam a empresa e encontraram em seus produtos ou serviços uma solução para os seus problemas, como para gerar novas vendas para aquelas pessoas que já compraram da marca e agora procuram por itens complementares.

Desse modo, o funil do inbound marketing, que é composto pelas etapas de atração, conversão, relacionamento e vendas, pode acrescentar mais uma etapa em seu fluxo, a retenção.

Destaca-se que reter clientes é muito mais vantajoso, economicamente falando, do que prospectar clientes novos para a empresa.

Isso se justifica pelo fato de várias etapas do funil de vendas poderem ser puladas em uma segunda compra, pois o cliente já conhece a empresa e o que ela oferece. Assim, ele busca por soluções que complementam algo que ele já adquiriu.

Se você chegou até aqui neste artigo já deve ter compreendido por que as empresas de tecnologia devem investir em inbound marketing, não é mesmo? Afinal, vale muito a pena adotar essas ações inovadoras, principalmente em um mercado que também é inovador, como a área de TI.

Este guest post foi escrito por Resultados Digitais.