Educação Baseada em Evidências é debate entre especialistas no Dito Efeito

No dia 24 de abril de 2019, aconteceu o evento “Educação Baseada em Evidências”, primeiro episódio da série Educação do projeto Dito Efeito. A série Educação tem como propósito mobilizar os agentes do ecossistema da educação a empreender mudanças disruptivas nas práticas pedagógicas, visando à efetiva promoção da aprendizagem.

 

VEJA TAMBÉM
Confira as fotos do evento

Mônica TimmCom a curadoria de Mônica Timm (CEO da Plataforma de Leitura Elefante Letrado), e os facilitadores, Luciana Vellinho Corso (Professora da Escola de Educação UFRGS) e Rafael Korman (Gerente de Processos do Colégio Israelita), o episódio Educação Baseada em Evidências do projeto Dito Efeito, abordou temas para promover e identificar uma educação que verdadeiramente impacte a aprendizagem.

Mônica iniciou a noite explicando o título do episódio e afirmando que o evento tem como objetivo romper com a inércia de apenas reproduzir o que tudo se fez. Ainda para a curadora, os profissionais da área podem e devem romper com o ensino monolítico e em lotes para todos independentemente do quanto estão sendo eficientes essas práticas ou não, para um ensino que realmente faça a diferença na vida dos alunos.

 

VEJA AQUI
O episódio completo, “Educação Baseada em Evidências”

 

 

Em seguida Luciana Vellinho Corso falou sobre a importância da base científica no planejamento do ensino para os alunos. Luciana diz que há um distanciamento entre os resultados dessas pesquisas e o que de fato acontece em sala de aula.

Luciana traz os principais objetivos que o professor deve ter em seu planejamento. Ela destaca também a importância do aluno compreender este planejamento e fazer parte do processo.

 

 

 

 

 

Ensino e aprendizagem visíveis – Planejamento (Hattie, 2017)

  1. Intervenções deliberadas –  Investir no processo por meio de objetivos, que sejam claras para o professor e para o aluno. O professor pode fazer uma escuta com o aluno para compreender o que o aluno quer e tem interesse de aprender.
  2. Conhecimento prévio Os alunos têm muito conhecimento hoje em dia, em diversas áreas. Então usar o conhecimento do aluno como uma mola para motivá-lo.
  3. Resiliência ao erro – Compreender o erro como parte do processo de aprendizagem. E assim, manter o aluno motivado com a utilização de uma linguagem motivadora.
  4. Uso de estratégias – Os profissionais de educação usam pouca estratégia. Estratégias metacognitivas, por exemplo, ajudam o aluno a regular a sua aprendizagem e a se conhecer como aprendiz.
  5. O poder do feedback – Uso do feedback de processo, faz com que o aluno precise pensar sobre a tarefa realizada. O feedback é tão essencial do professor para o aluno quanto do aluno para o professor.

Luciana finaliza afirmando que  as evidências de pesquisa tem trazido muitos elementos que sugerem um repensar a forma como se tem compreendido e lidado com os processos de ensino e aprendizagem. E levanto alguns pontos importantes que se deve observar:

-Há muitas evidências que ainda não foram trazidas para a prática de sala de aula;
-Há evidências que precisam ser consideradas como fonte de mais pesquisa, ou seja, evidencia que precisa ser revisitada;
-A escola tem um papel fundamental no desenvolvimento de habilidades de leitura e matemática. E a intervenção deliberada do professor é fundamental para que isso ocorra;
-A escola tem um papel fundamental para detectar alunos que estão em risco de desenvolver dificuldades.

 

Rafael Korman, falou sobre a utilização de dados no processo de aprendizagem.  Para ele, as escolas devem utilizá-los não por pressões externas mas porque a evidência mostra que seu uso pode melhorar a aprendizagem dos estudantes.

O dado não deve ter como fonte apenas as provas padronizadas, negligenciar seu uso é preparar os estudantes em um nível mais baixo do que são capazes.

 

 

O que é o Data Wise?

O projeto Data Wise apoia educadores na investigação colaborativa de dados na melhoria contínua do ensino e da aprendizagem para todos os estudantes. O projeto é baseado no princípio de que todos as crianças e adultos que trabalham com eles merecem a oportunidade de ter um crescimento contínuo em alto nível.

Rafael finaliza afirmando que o Data Wise é um processo realizado com as escolas, mais do que um processo de dados, provas e classificações o projeto utiliza tudo isso para promover uma cultura de colaboração entre educadores, para que todos os estudantes possam aprender.

Dito Efeito

Conheça o Dito Efeito:
Pacto Alegre lança projeto cocriado com centenas de pessoas e organizações

Vale lembrar que o propósito do Dito Efeito é oferecer conhecimento a um grande número de pessoas e engajá-las nesse propósito de transformação digital e humana. Todas as edições do Dito Efeito têm entrada franca, com doações e contarão com transmissão ao vivo em locais como Tecnopuc, UFRGS, Unisinos, Tecnovates, Feevale Techpark, Unijuí, FURG e Fábrica do Futuro, dentre outros, e posteriormente, disponibilizadas na web. A estimativa é de que ao final do primeiro ano acumulem-se mais 400 conteúdos distintos para a sociedade.