Reposicionamento da uMov.me impacta em 300 empresas do segmento TI

Quando o mercado muda ou quando o cliente percebe que algo está em mutação, as empresas procuraram se reposicionar, no caso da uMov.me esta mutação vem aliada a nova gestão estratégica da empresa.

A empresa está na contramão do mercado recessivo, pois atingiu um crescimento de 30% nos contratos recorrentes durante o primeiro trimestre de 2017. Este crescimento é compreensível, afinal, mais de 70% das empresas com mais de cem empregados já utilizam celulares e smartphones corporativos, segundo a pesquisa realizada por Teleco/Embratel, e este é o público final da uMov.me.

Com o reposicionamento a marca recebeu um novo slogan, ”Mobile Business Platform”, inclusão de novas cores e design moderno, tudo para traduzir um momento mais humano da mobilidade corporativa. Novos pictogramas passam a acompanhar a marca e a experiência dos usuários desde o site, materiais de marketing até os templates de aplicativos criados para toda rede de parceiros.

Transformação digital das empresas

Uma das tendências irreversíveis do mundo empresarial. Segundo o estudo “Revolução das Competências”, do ManpowerGroup, até 45% das tarefas para as quais as pessoas são pagas para fazer todos os dias podem ser automatizadas com a tecnologia atual. Além disso, a expectativa do mercado é que 90% das estruturas organizacionais sejam impactadas por soluções digitais (“digitalização”).

Neste contexto a marca uMov.me se posiciona como parte desta transformação digital mundial passando a usar um slogan em inglês fortalecendo sua atuação em 8 países da América Latina e iniciando uma visão global de negócios.

Para o diretor de Marketing da uMov.me, Fausto Reichert, “Vivemos um momento especial da mobilidade corporativa mundial, integrado ao reposicionamento da marca com a visão de plataforma de negócios, demonstramos que somos parte da transformação digital das empresas”.

Maior rede de Mobilidade Corporativa torna os negócios disruptivos

O impacto deste reposicionamento da uMov.me, leva aos mais de 300 parceiros da empresa, Agências de Comunicação, Facilities, Trade Marketing e a maioria Empresas e Consultorias do segmento TI a atuarem efetivamente na transformação digital do mundo corporativo. Entregando soluções que impactam em todas as áreas de negócios.

A rede de parceiros passa a atender qualquer tipo de empresa, sejam indústrias, transportes, bancos, varejo e serviços. A atuação direta no desenvolvimento de aplicativos móveis para todos os departamentos das empresas como: vendas, trade marketing, logística, suprimentos, ordens de serviços, produção, atendimento, comunicação com consumidores e clientes, além de distribuição de conteúdo, tudo via aplicativos, para consumidores e colaboradores, fornecedores e clientes.

Os parceiros que já criaram mais de 10 mil aplicativos estão passando por uma série de treinamentos para apoiar esta nova fase da uMov.me. Os treinamentos visam consolidar as novas tecnologias, módulos e funcionalidades e estão disponíveis através da universidade corporativa da uMov.me.

“Estamos felizes com a evolução da empresa, do crescimento do time e a consolidação da rede de parceiros, que agora é composta apenas por empresas com mensalidades recorrentes, o que comprova os resultados de crescimento da empresa”, pontua Reichert.

Mobilidade para seres humanos

A empresa posiciona-se como meio pelo qual os novos negócios serão criados ou pelo qual os atuais vão se transformar em mobile e digitais.

Neste novo posicionamento a marca inclui uma visão bastante humana, passando a utilizar em todos os canais e redes sociais, imagens de pessoas trabalhando, se divertindo e convivendo sua plena felicidade enquanto interagem através de seus aplicativos em smartphones.

O CEO da uMov.me Alexandre Trevisan já tinha antecipado que o segundo trimestre marcaria o reposicionamento da marca, além de novos planos e serviços focados em atender ainda melhor a rede de parceiros e os clientes da plataforma. “A companhia tem uma agenda muito intensa de evolução de produto e serviços com lançamentos mensais até setembro, que gerarão importantes diferenciais para nossa rede de parceiros, além de outras novidades na área de marketing e de fortalecimento deste novo posicionamento”.

De acordo com Trevisan, todas estas ações são apoiadas pelo Conselho de Administração, que ficou ainda mais forte com Daniel Wildt, que deixou a diretoria de tecnologia, com Rogério Fluzer (Presidente da Mazer Distribuidora) e José Augusto Albino (Sócio da CRP/CVentures).

A empresa ainda conta com o apoio de um Conselho Consultivo e neste a presença de José Renato Hopf, fundador da GetNet e atual CEO da 4all, que demonstra o fortalecimento de toda empresa para apoiar o ritmo acelerado que iniciou 2017.

NA MÍDIA:
Portal ERP
Mobile Time
Mundo do Marketing

728x90