Desenvolvimento de apps na nuvem: saiba mais sobre a manutenção e os riscos

Desenvolvimento de Apps
O universo da computação vem enfrentando uma verdadeira revolução com relação à forma como aplicativos são construídos: o desenvolvimento de apps na nuvem.  Como resultado, essa revolução promove uma maior integração entre empresa e funcionários, economia de espaço no hardware dos celulares, rapidez para baixar esses aplicativos, além da possibilidade do seu compartilhamento.

Saiba mais:

>> Como reduzir custos de desenvolvimento de aplicativos?

>> Gestão de facilities: o que é e como funciona?

No entanto, existem, sim, alguns riscos inerentes a esse tipo de tecnologia de desenvolvimento de apps na nuvem. Riscos, esses, que têm a ver com a segurança dos dados, falhas de manutenção, além de outros transtornos que devem ser observados antes de aderir a um sistema tão característico. Quer saber mais e evitar erros? Confira nosso post!

Estrutura necessária para o desenvolvimento de apps na nuvem

A principal dificuldade para a implantação desse tipo de tecnologia é a necessidade de uma boa infraestrutura. Ela deve garantir segurança no envio de dados, baixo custo de manutenção e constantes atualizações.

O recomendado é a contratação de uma plataforma de nuvem mais robusta, com experiência suficiente para garantir toda a segurança necessária para o desenvolvimento de apps na nuvem.

Desta forma, ela pode ser incrementada com uma política de segurança da informação que envolva restrições de acesso ao aplicativo em determinadas situações, controle sobre sua utilização e criação de uma Política de Grupo de Área de Trabalho para impedir a reprodução ou cópia de dados.

Outra vantagem é impedir que determinado aplicativo na nuvem obtenha acesso à internet, entre outras providências que garantam o uso desses apps em celulares com segurança e eficiência.

Riscos inerentes ao desenvolvimento de apps na nuvem

Ações suspeitas, roubo de dados, falhas na segurança, em seu funcionamento e até mesmo o roubo de um celular podem comprometer um projeto de desenvolvimento de apps na nuvem.

Logo, a fim de minimizar esses riscos, algumas plataformas optam, por exemplo, por realizar simulações do aplicativo na nuvem e diretamente nos celulares, com o intuito de testar o funcionamento dessa tecnologia.

Também realizam testes para a possível implantação do controle de informações e do modo híbrido — que permite que o aplicativo funcione com ou sem conexão à internet.

Principais recomendações para o uso de apps na nuvem

Uma das principais ameaças ao uso da internet, seja de forma profissional ou como entretenimento, é a atuação constante dos hackers. Esses indivíduos são capazes de invadir um serviço de armazenamento de dados via internet em pouco tempo.

Logo, o recomendado é que haja o cuidado em incentivar os usuários a utilizarem diferentes senhas dentro de um mesmo sistema, pois, em caso de ataque, todo sistema da organização será comprometido.

Também aconselha-se a incentivar a implantação de politicas locais para o desenvolvimento de apps na nuvem, investir em Tecnologia da Informação e verificar constantemente o painel da plataforma contratada, a fim de identificar tentativas de violações, a origem de atividades consideradas suspeitas e notificações sobre atualizações.

Sente-se mais seguro sobre o desenvolvimento de apps na nuvem? Quer saber mais sobre o negócio mobilidade e como crescer neste segmento de atuação? acesse aqui!

Seja Parceiro uMov.me