Saiba como criar um app de vendas eficiente

App de vendas eficiente

Os apps de vendas chegaram para ficar. Invadiram as empresas graças às facilidades e benefícios gerados para o time comercial. Esses aplicativos registram os pedidos, mantêm a agenda de visitas em dia e ajudam a controlar o fluxo comercial, além de várias outras funcionalidades.

Porém, nem todos os diretores comerciais aderiu à nova tecnologia. Um dos motivos dessa resistência é a falta de conhecimento técnico. Muitos gestores acreditam que ter um app é algo extremamente complexo. Pelo contrário.

Apps de vendas podem ser criados sem que se escreva uma única linha de código. Soluções MEAP, como a uMov.me, por exemplo, oferecem uma plataforma para construção, operação e gestão de aplicativos móveis, sem programação. Com tanta facilidade, o importante agora não é mais o conhecimento técnico.

Se você negocia, desenvolve ou comercializa app de vendas, este post é para você. Vamos mostrar como seu cliente pode ter um app eficiente de maneira simples e rápida. Boa leitura!

Acompanhe o estoque em tempo real

É importante que o app esteja conectado diretamente com o estoque. Lembre-se de prever essa funcionalidade no planejamento de requisitos. Para isso, permita que o aplicativo seja integrado com outros sistemas de gestão por meio de uma API e ou de arquivos. A plataforma uMov.me também garante essa tecnologia para você.

O acompanhamento em tempo real é muito importante para clientes que atuam na área comercial. Sempre que houver uma venda, o aplicativo dá baixa e recalcula o volume de estoque. Com esse conhecimento em mãos, ninguém será pego de surpresa com estoques vazios e nem gastará dinheiro encomendando mais produtos do que o necessário.

Controle cada etapa da venda

É importante que o aplicativo rastreie todas as etapas do processo de vendas, desde o pedido do cliente, ordem de serviço, até a resposta do departamento comercial e a entrega do produto/serviço. Um bom aplicativo ainda inclui mapas para apontar onde as vendas estão sendo feitas e emite gráficos, que facilitam a visualização do crescimento ou redução das negociações.

Analise os dados da equipe de vendas

Para melhorar ainda mais o controle, é importante que o aplicativo ofereça ferramentas para interpretar as informações que são inseridas no sistema.

O aplicativo deve mostrar o número de vendas feitas no mês, quais os produtos mais e menos vendidos, como foi o desempenho de cada vendedor e quais os produtos mais rentáveis.

Esses relatórios, que podem ser emitidos até mesmo em tempo real, são muito importantes para tomada de decisões da diretoria. Quanto mais precisos forem os dados, mais assertivas serão as decisões.

Supere as objeções dos clientes

Ao longo do ciclo de vendas, é comum o departamento comercial se deparar com algumas objeções (contestações feitas pelos potenciais clientes). A vantagem de se ter um app de vendas é poder registrar essas objeções e registrar o histórico.

Assim, o vendedor terá na palma da mão os argumentos para responder a cada uma dessas objeções. Fica mais fácil de convencer o cliente e de concretizar qualquer venda.

Integração com outros sistemas

O aplicativo de vendas precisa estar integrado com outros sistemas já utilizados, como ERP, CRM ou intranet. Dessa forma, todas as informações estarão disponibilizadas no mesmo ambiente.

Isso é muito importante para a equipe de vendas, principalmente aquelas que atuam na ‘rua’. Com mais dados e informações, mais argumentos os vendedores terão para convencer os clientes e finalizar as vendas.

Agora que você já sabe como um app de vendas é importante para as empresas, está muito mais fácil de conquistar clientes, não é mesmo? Leia mais sobre o assunto neste artigo.

728x90